Atendimento: Segunda à Sexta, das 07h as 17h e Sábado das 07h as 12h - Entrega de Resultados em Domicílio - Consulte Taxas

Os tipos de cânceres mais comuns em mulheres

Pesquisas revelam que os avanços nas pesquisas sobre a cura do câncer estão surtindo efeitos pelo mundo: nos Estados Unidos, a mortalidade pela doença caiu em 27% nas últimas duas décadas. A corrida para a cura da enfermidade tenta se acelerar, mas o número de pessoas diagnosticadas apenas sobe no Brasil. 

No Brasil, estima-se que daqui a uma década o câncer se tornará a primeira causa de morte em nosso país. Isso devido aos fatores genéticos e externos que provocam a doença e as dificuldades em tratar o câncer. 

Hoje, a doença é a segunda principal causa de morte no mundo e é responsável por 9,6 milhões de mortes em 2018. A nível global, uma em cada seis mortes são relacionadas à doença.

Dependendo do sexo da pessoa, ela estará mais suscetível a desenvolver certos tipos de câncer. Isso por conta de toda sua estrutura genética e as especificidades do corpo. 

No caso da mulher, os principais riscos são relacionadas propriamente à região da mama, cólon e útero. 

A tabela a seguir mostra a quantidade de surgimento de novos casos de câncer no ano de 2018, especificamente nas mulheres:

Em mulheres, Brasil, 2018

Localização PrimáriaCasos Novos%
Mama feminina59.70029,5
Cólon e Reto18.9809,4
Colo do útero16.3708,1
Traqueia, Brônquio e Pulmão12.5306,2
Glândula Tireoide8.0404,0
Estômago7.7503,8
Corpo do útero6.6003,3
Ovário6.1503,0
Sistema Nervoso Central5.5102,7
Leucemias4.8602,4
Todas as Neoplasias, exceto pele não melanoma202.040100,0
Todas as Neoplasias282.450 

Sendo assim, a tabela acima indica quais são os tipos mais comuns de câncer em mulheres, com recorte para o ano de 2018. 

A tabela abaixo mostra, também com base na relação da tabela acima, quais são os tipo de câncer que possuem maior taxa de óbito. Em desta que está o de mama, tão reforçado durante campanhas nacionais e internacionais, principalmente durante o mês de outubro.

Dados de mortalidade

Localização PrimáriaÓbitos%
Mama16.72416,1
Traqueia, Brônquios e Pulmões11.79211,4
Cólon e Reto9.6609,3
Colo do útero6.3856,2
Pâncreas5.4385,2
Estômago5.1074,9
Localização primária desconhecida4.7144,6
Fígado e Vias biliares intra-hepáticas4.2924,1
Sistema Nervoso Central4.4014,1
Ovário3.8793,7
Todas neoplasias103,583100,0

O diagnóstico precoce é essencial para garantir um tratamento adequado e a qualidade de vida do paciente. Em todos os casos, é recomendável exames de rotina.

Deixe uma resposta

Fechar Menu